Programação

Dia 21/08/2013 – 19 horas 

CONFERÊNCIA DE ABERTURA

“Raça e classe nos estudos sobre o trabalho no Brasil”
Conferencista: Marcelo Badaró Mattos

 

Dia 22/08/2013 – 19 horas

MESA REDONDA: “Movimentos indígenas na América Latina”

Mediadora: Profª Mc. Eliana Monteiro

Os processos identitários correm nas veias das lutas sociais e ações coletivas que se figuram de importância diante das contradições e adversidades do mundo capitalista contemporâneo. Tais veias caracterizam-se em simbólicas redes de solidariedade e de resistência prática contra os discursos postos pela modernidade. Defende Anibal Quijano (2000), sociólogo militante peruano, que, ao passo que a modernidade foi lançada nos projetos de colonização nas Américas (que aqui temos como cenário foco, mas não único), sujeitos da história também construíram seus contradiscursos, materializados em tantos eventos e processos de resistência física e simbólica, no contrapasso do que vinha legitimando a história ocidental dita oficial. No Brasil, estas formas de resistência e de constante revitalização das tradições étnicas e culturais, conduzidas pela tradicionalidade e pela etnicidade (Pacheco de Oliveira, 2004), vão refletir na mudança constitucional de 1988 e no redirecionamento do Estado no atento às diversidades sociais. Os movimentos sociais, em suas bases étnicas, visam à autonomia. E, o que entender sobre autonomia? Um conceito caro às Ciências Sociais, e paradigma central da reivindicação de direitos dos povos indígenas em América Latina. É sobre este tema que queremos discutir, pensando experiências e leituras contemporâneas acerca dos processos de luta dos movimentos indígenas, que demarcam os processos de etnicidade nos diferentes contextos da América Latina, em suas agendas de reivindicação de direitos e em ações coletivas de resistência.

CONVIDADOS: Profº Dr. Cássio C. Soares (Universidade Federal da Fronteira Sul), Profª Drª Rosário Carvalho (UFBA), Edilene Pretinha Truká (Liderança Indígena) e Me.Vamberto Spinelli (Doutorando PPGS/UFPE)

Dia 23/08/2013 – 19 horas

MESA REDONDA: Formação Docente em Sociologia: Contextualidades teóricas e práticas. Mediadora : Profª Me.Vanderléa Andrade

Convidados: Profº Dr. Álamo Pimentel (UFAL) Profº Dr. Terence Mulhall (UFPB)

O cenário sociocultural contemporâneo exige  mudanças significativas na  forma como entendemos  o ensino e aprendizagem. Os conhecimentos oferecidos na formação de professores e alunos precisam superar o estado positivista para  serem caminhos que os transportem para além das carteiras, salas e muros das escolas. O desafio é que professores e  alunos compreendam as interpretações dos fenômenos da realidade, compreendam os lugares a partir dos quais se constroem e assim compreendam  a si mesmos, dialogando com os diversos conhecimentos e saberes tecidos na cotidianidade acadêmica e nas diversas realidades sociais. Pressupomos, então, que esse diálogo é teórico e é prático e é essa dialética que possibilita a problematização de questões que podem ser importantes para uma formação docente. Na perspectiva de pensar a formação docente em Sociologia para além do saber fazer é que apontamos a necessidade da formação do professor pesquisador, considerando que  há um tipo de conhecimento subjacente à ação inteligente que se desenvolve por meio da curiosidade e dá conta das situações imprevisíveis e conflituosas que não se resolvem por meio de repertórios técnicos/empíricos. Pensar o professor pesquisador é pensar para além do individual e do limite da sala de aula; considerando o contexto institucional, e integrando a uma epistemologia formativa que considera  a dialogicidade entre a formação teórica e a formação prática. Zeichner e Liston, (1996) dizem que o professor também desenvolve teorias sobre ensino e aprendizagem ao atuar em sala de aula, e as fontes dessas teorias não advêm apenas da prática, mas também de teorias acadêmicas ou formais. Assim, no processo de formação devem estar presentes os conhecimentos e fundamentos pedagógicos nos aspectos práticos e  teóricos. Considerando a necessidade da formação do professor pesquisador em sociologia a mesa abordará a formação teórica dos educandos, a prática da pesquisa e o fazer docente nas diversas contextualidades teóricas e práticas.

 

Dia 24/08/2013 – das 8 às 18 horas

 MINICURSO

Título: No meio do “crime”: problemas epistemológicos (políticos) em um trabalho de campo com “ladrões”

Adalton Marques (PPGAS-UFSCar)

RESUMO: Com base em uma pesquisa de campo iniciada no ano de 2004 junto a (ex-)presidiários, especialmente concentrada na Região Metropolitana de São Paulo, este Mini Curso pretende abordar cinco tópicos-chave que possibilitam tratar da constituição de afinidade entre as preocupações dos interlocutores e o esforço político-epistemológico do pesquisador. São eles: 1) a negociação do lugar de pesquisador em uma região de lutas; 2) as conceituações dos interlocutores a respeito de suas relações (inclusive com o pesquisador); 3) as estratégias e precauções metodológicas necessárias para evitar dois perigos óbvios: a) a associação a criminosos e b) a transformação da etnografia em investigação policial; 4) a simetria conceitual entre os procedimentos que caracterizam a pesquisa etnográfica e os procedimentos dos interlocutores; e, por fim, 5) a  circulação do segredo e a constituição de círculos de confiança que não se confundem com outras formas de aliança.

Para efetuar inscrição no Minicurso No meio do “crime”: problemas epistemológicos (políticos) em um trabalho de campo com “ladrões”, com carga horária de 10 horas, é preciso estar inscrito na II Semana de Ciências Sociais e enviar para o e-mail iisemanadecienciassociais@gmail.com (Assunto: MINICURSO) os seguinte dados:

Nome Completo
Declaração de Interesse (justificar, em 5 linhas, seu interesse em participar deste minicurso)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s